Parada gay em Moscou é cancelada

MOSCOU - O município de Moscou anunciou, nesta quarta-feira, que este ano não autorizará a Parada Gay na cidade, após os violentos confrontos entre os nacionalistas e extremistas cristão-ortodoxos contra os manifestantes do evento.

Ansa |

O anúncio foi feito após uma organização de homossexuais ter realizado mobilizações para atrair a atenção à repressão das minorias sexuais na Rússia.

"O município trabalhará de maneira decisiva e sem compromissos para prevenir qualquer tentativa de organizar manifestações deste tipo, porque a sociedade é, em grande maioria, contrária ao modo de vida homossexual e sua filosofia", disse o porta-voz do prefeito Sergei Tsoi à agência Interfax.

Leia mais sobre: parada gay - Rússia

    Leia tudo sobre: parada gayrússia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG