Para Gates, Putin é o verdadeiro patrão da Rússia

O primeiro-ministro e ex-presidente russo Vladimir Putin é o verdadeiro patrão da Rússia, afirmou neste domingo o secretário americano da Defesa, Robert Gates, que havia previsto uma relação mais equilibrada com o presidente Dmitri Medvedev.

AFP |

"Na minha opinião, ele (Putin) é o verdadeiro patrão da Rússia neste momento", declarou Gates à rede de televisão ABC.

"As medidas que ele tomou na transição de presidente a primeiro-ministro nestas últimas semanas, e agora na Geórgia, provam que Putin é quem manda na Rússia", ressaltou.

"Penso que a relação entre ele e Medvedev é mais complexa do que imaginávamos", disse Gates.

"Penso que víamos eles como parceiros, e Putin tinha dado vários sinais de que ia deixar o poder seguir seu curso e ficar com a presidência, de que Medvedev seria o verdadeiro responsável por dirigir a Rússia", acrescentou.

Gates também pediu ao presidente Medvedev que exerça "uma maior influência" e se imponha a homens que "usam uma retórica remanescente da União Soviética", referindo-se às declarações bélicas de um alto dirigente militar russo contra a Polônia.

"Queremos que os russos que estão prontos para contemplar o futuro, russos como, talvez, o presidente Medvedev, comecem a exercer uma maior influência e consigam controlar a retórica de certas pessoas", declarou.

Sexta-feira, o chefe adjunto do Estado-Maior russo, Anatoli Nogovitsyn, afirmou que ao aceitar a instalação em seu território de elementos do escudo antimísseis americano, a Polônia tinha se tornado um alvo "prioritário" para eventuais ataques contra este sistema, inclusive nucleares.

vog/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG