irá além de fechar blogs - Mundo - iG" /

Para dissidente, repressão à internet em Cuba irá além de fechar blogs

Bruxelas, 4 mar (EFE).- A dissidente e blogueira cubana Yoani Sánchez advertiu hoje em um debate realizado no Parlamento Europeu (PE) que a repressão aos meios de comunicação alternativos de internet pelo regime da ilha aumentarão, e não vão se limitar ao fechamento de blogs.

EFE |

A autora do blog "geração Y" (www.desdecuba.com/generaciony), considerada em 2008 pela revista "Time" como a 31ª pessoa mais influente do mundo, participou da discussão, organizada por membros do Grupo dos Verdes da Câmara Europeia através de videoconferência, já que o governo de Cuba não a deixa sair do país.

Sánchez disse que sob a administração de Raúl Castro, a perseguição aos blogueiros cubanos aumentou e que já são um "objetivo da polícia política cubana".

"Nós, blogueiros, somos estigmatizados socialmente, sofremos atos de violência e até somos presos", denunciou Sánchez, acrescentando que aqueles que têm um blog no país caribenho são vistos pelo governo da ilha como "agentes imperialistas".

A dissidente defendeu a utilização dos blogs como meios de imprensa sociais alternativos em Cuba, já que eles "permitem acabar com o monopólio informativo do regime".

Como desafio para o futuro, apontou "a necessidade de reconhecimento de vozes discordantes em Cuba", e que "a comunidade internacional deixe de se iludir que a voz do governo, a oficial, é a dos 11 milhões de cubanos".

Yoani Sánchez recebeu em 2008 o prêmio espanhol Ortega y Gasset de Jornalismo Digital e no ano seguinte uma menção do Maria Moors Cabot, da Universidade de Columbia (Estados Unidos), nenhum dos quais pôde receber pessoalmente, por causa de sua proibição de sair de Cuba. EFE.

lmi/id

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG