Paquistão lança nova ofensiva contra o Talebã

O Exército do Paquistão iniciou neste domingo uma nova ofensiva contra militantes do Talebã no noroeste do país. Um porta-voz do Exército disse que vários militantes foram mortos em conflitos no distrito de Lower Dir.

BBC Brasil |

A operação também causou a morte de um comandante do Exército e de um soldado.

Helicópteros do Exército monitoram locais onde se suspeita que os militantes possam estar operando e diversos tanques foram enviados para os pontos de checagem nas estradas da região.

Segundo o Exército, a operação visa impedir o avanço do Talebã no noroeste do país.

A área fica a oeste do Vale do Swat, onde um acordo firmado há algumas semanas concedia ao grupo fundamentalista o direito de instaurar a sharia - lei islâmica - em determinados distritos. Em troca, o Talebã se comprometia a por um fim a confrontos com forças do governo.

Pressão

Na última quinta-feira, o governo dos Estados Unidos criticou o modo como o Paquistão estava combatendo o Talebã. O secretário de Defesa, Robert Gates, disse que é importante que parte da liderança paquistanesa compreenda a "ameaça existencial" representada pela milícia.

Também na quinta-feira, a secretária de Estado, Hillary Clinton, disse a uma comissão parlamentar que acreditava " existir uma percepção crescente de que a insurgência está chegando cada vez mais perto das cidades grandes e representa uma grande ameaça".

"Eles têm que agir", disse Clinton, ressaltando que não há mais espaço para o governo paquistanês fazer apenas promessas.

Retirada

Na sexta-feira, os militantes anunciaram a retirada do distrito de Buner, a cem quilômetros da capital, Islamabad.

O Talebã já vinha controlando a região de Swat, na Província da Fronteira Noroeste (NWFP, na sigla em inglês), na fronteira com o Afeganistão, e vinha fortalecendo suas operações em Buner.

Uma delegação do Talebã e o clérigo que negociou o acordo de paz, Sufi Muhammad, supervisionaram a retirada dos militantes.

    Leia tudo sobre: paquistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG