Paquistão: ataque destrói caminhões-tanque da Otan e mata 3 policiais

Dois homens armados mataram, este sábado, três policiais e destruíram quatro caminhões-tanque que transportavam combustível para as forças da Otan no vizinho Afeganistão, a 160 km de Islamabad, anunciou a polícia local.

AFP |

"Homens armados abriram fogo contra os caminhões-tanque estacionados em um posto de gasolina da cidade de Talagang, o que provocou um incêndio gigantesco", declarou à AFP um funcionário da polícia local, Aslam Tareen.

"Uma patrulha da polícia que estava nos arredores respondeu aos atacantes e três policiais morreram nos confrontos que se seguiram", acrescentou. O grupo armado fugiu.

Outro funcionário da polícia local, Abid Riaz, confirmou o incidente e seu balanço, acrescentando que o incêndio se espalhou para o posto de gasolina e as lojas vizinhas.

Supostos rebeldes atacam com regularidade os comboios de abastecimento de empresas privadas encarregadas de atravessar o Paquistão para abastecer as forças internacionais da Otan mobilizadas no Afeganistão.

A maioria atravessa a passagem Khyber, estrada fronteiriça situada nas instáveis zonas tribais paquistanesas, e principal via de acesso por terra ao Afeganistão.

As zonas tribais do noroeste do Paquistão são reduto dos talibãs paquistaneses aliados da Al Qaeda.

Washington a considera "a região mais perigosa do mundo" e base logística dos talibãs afegãos, que fugiram da invasão ao Afeganistão, em 2001, liderada pelos Estados Unidos e que mantêm ataques contra as tropas estrangeiras no país.

jaf/njc/mvv

    Leia tudo sobre: paquistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG