Papai Noel volta a Bagdá

Papai Noel voltou a Bagdá neste sábado, após quatro anos de ausência, em um ato organizado pelo ministério do Interior para manifestar solidariedade à minoria cristã iraquiana, alvo de ações violentas durante anos.

AFP |

O "bom velhinho" apareceu na rua Abu Nawas, uma das artérias mais antigas da capital iraquiana, e, como em todo o mundo, distribuiu presentes entre crianças vestidas com trajes típicos das diferentes províncias do país, ao som de "somos todos iraquianos".

Alfred Samaan, secretário-geral da União de Escritores Iraquianos, destacou que o Natal não é uma festa exclusivamente cristã, mas "algo que se estende a todos os iraquianos".

"Trata-se de uma celebração de patriotismo e de valores humanos", disse Samaan no ato de apoio à comunidade cristã iraquiana, que reúne cerca de 550 mil membros.

ak/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG