Papa tem agora seu canal de vídeo no YouTube

O Vaticano lançou nesta sexta-feira seu próprio canal de vídeo no YouTube, que permitirá aos internautas descobrir sem mediação as atividade do Papa Bento XVI.

AFP |

O novo site (http://it.youtube.com/vatican) foi financiado pelos fundos batismais com a calorosa benção do papa, para quem "as novas tecnologias digitais provocam mudanças fundamentais nas relações humanas, particularmente entre os mais jovens".

Estas novas tecnologias "representam um verdadeiro dom para a humanidade, mas é preciso cuidar para que elas sejam colocadas a serviço de todos os seres humanos e de todas as comunidades, principalmente as mais necessitadas e mais vulneráveis", destacou o Pontífice.

A publicação de sua mensagem nesta sexta-feira durante a "jornada mundial das comunicações sociais" coincide com o lançamento do site do Vaticano no YouTube. Ele é voltado a um grande público além dos círculos católicos, anunciou o porta-voz do Vaticano Federico Lombardi em entrevista à imprensa.

A Santa Sé possui um site em vários idiomas (www.vatican.va) e uma rádio internacional (Rádio Vaticano) e produz todas as imagens televisivas do Papa (com a CTV), mas quis dar um passo a mais com o YouTube, explicou.

Bento XVI advertiu, no entanto, em sua mensagem, contra as armadilhas da internet que riscam afastar os internautas da "realidade cotidiana" e até querer compartilhar "palavras e imagens degradantes para o ser humano".

"Que tristeza se nosso desejo de sustentar e desenvolver amizades 'on-line' se realizar em detrimento de nossa disponibilidade com nossa família, nossos vizinhos e nossos encontros da vida diária", escreveu, pedindo aos jovens católicos para "evangelizar o continente digital".

nou/lm/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG