Papa ressalta valores comuns entre cristãos e muçulmanos

Cidade do Vaticano, 13 mar (EFE).- O papa Bento XVI pediu ênfase nos valores que cristãos e muçulmanos compartilham durante audiência com bispos do Sudão, que visitam o Vaticano neste sábado.

EFE |

"Gostaria de expressar minha consideração por seus esforços para manter as boas relações com os seguidores do Islã", disse o Pontífice aos representantes da Igreja Católica sudanesa em discurso divulgado pela assessoria de imprensa da Santa Sé.

"Como vocês trabalham para promover a cooperação com iniciativas práticas, incentivo que sejam enfatizados os valores que os cristãos compartilham com os muçulmanos como a base desse diálogo de vida, um primeiro passo essencial para o respeito genuíno e entendimento entre religiões", completou.

Bento XVI afirmou que essa mesma "abertura e amor" dos religiosos sudaneses deve estar presente nas cidades que pertencem às "religiões tradicionais".

Ele pediu ainda aos representantes da Igreja do Sudão que façam "esforços concretos" para atenuar os fatores que contribuem à desestabilização da paz em seu país, referindo-se diretamente à corrupção, às tensões étnicas, à indiferença e ao egoísmo. EFE.

mcs/dp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG