Papa pede que comunidade internacional ajude Haiti

Cidade do Vaticano, 13 jan (EFE).- O papa Bento XVI expressou hoje sua solidariedade às vítimas do terremoto do Haiti e fez uma chamada à generosidade da comunidade internacional para que se mobilize imediatamente, para que não falte ajuda a estes irmãos e irmãs que vivem um momento de necessidade e de dor.

EFE |

O pontífice fez esta chamada diante de cerca de 9 mil fiéis que assistiram no Vaticano à audiência pública das quartas-feiras, onde qualificou a situação no Haiti por causa do terremoto ocorrido na terça-feira como "dramática".

"Faço uma chamada perante a dramática situação em que se encontra o Haiti. Meu pensamento está com a população tão duramente atingida pelo devastador terremoto ocorrido há algumas horas e que causou graves perdas de vidas e um grande número de desabrigados e desaparecidos, assim como ingentes danos materiais", disse o papa.

Bento XVI convidou os fiéis a se unir a ele para rezar pelas vítimas da catástrofe e pelos que choram seus entes queridos que morreram, e expressou sua solidariedade aos que perderam suas casas e a todas as pessoas atingidas por "esta grave calamidade", implorando a Deus consolo para seu sofrimento.

"Faço uma chamada à generosidade de todos, para que não falte a estes irmãos e irmãs que vivem um momento de necessidade e de dor nossa concreta solidariedade e o apoio efetivo da comunidade internacional", disse.

"A Igreja Católica se mobiliza imediatamente para, através de suas instituições de caridade, atenuar as necessidades mais imediatas da população", ressaltou o pontífice. EFE JL/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG