Papa pede paz entre Israel e Palestina na missa de Páscoa

Por Phil Stewart VATICANO (Reuters) - O papa Bento 16 pediu em sua mensagem de Páscoa no domingo um esforço renovado pela paz entre Israel e a Palestina semanas antes de sua viagem à Terra Santa pela primeira vez desde que se tornou papa.

Reuters |

O pontífice também saudou os sobreviventes do devastador terremoto italiano e pediu a todos os que estão apreensivos com o futuro, por qualquer motivo, para não perderem a esperança.

"Em tempos de escassez de comida no mundo, de turbulência financeira, de novas e velhas formas de pobreza... é urgente redescobrir as bases da esperança," disse o pontífice.

O papa celebrou a missa da Páscoa para milhares de pessoas na praça de São Pedro, na celebração cristã da ressurreição de Cristo.

Em sua mensagem bianual, 'Urbi et Orbi' (para a cidade e para o mundo), o papa disse que gostaria de levar a mensagem da reconciliação em sua viagem de 8 a 15 de maio à Terra Santa.

"Reconciliação - difícil, mas indispensável - é uma pré-condição para uma coexistência pacífica e segura no futuro," disse o papa.

Ele afirmou planejar uma visita à região de Abruzzo, atingida pelo terremoto que matou 293 pessoas, e lembrou os que estão "sofrendo devido ao terremoto" e rezou para que os sobreviventes não percam a esperança apesar da tragédia.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG