Papa pede diálogo no Líbano para não chegar a situação irreparável

Cidade do Vaticano, 11 mai (EFE).- O papa Bento XVI fez hoje uma chamada ao diálogo e à mútua compreensão no Líbano, para colocar fim à lógica da contraposição agressiva que está levando o querido país ao irreparável.

EFE |

O pontífice fez a chamada após a reza do Regina Coeli, que substitui o Ângelus no tempo de Páscoa, diante de cerca de 40 mil pessoas reunidas na praça de São Pedro do Vaticano. EFE jl/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG