Papa passa por cirurgia após fraturar pulso ao escorregar

AOSTA, Itália (Reuters) - O papa Bento 16, de 82 anos, passou por uma pequena cirurgia nesta sexta-feira após ter escorregado no banheiro e quebrado o pulso, enquanto passava férias no norte da Itália. Ele escorregou no banheiro nesta manhã. Ele foi levado ao hospital para exames. Não é nada sério, disse o porta-voz do Vaticano, o padre Federico Lombardi.

Reuters |

O pontífice nascido na Alemanha chegou andando ao hospital na cidade de Aosta, no norte da Itália, onde passa férias em um chalé na montanha em Les Combes. O papa recebeu tratamento no hospital para o que o Vaticano disse ser "uma fratura leve em seu pulso direito".

Em comunicado, o Vaticano disse que antes de ser levado ao hospital o papa "celebrou uma missa e tomou café da manhã".

Os médicos deram ao papa anestesia local na região da fratura antes de operar. Ele deve sair do hospital no final do dia.

"A operação acabou, e correu tudo bem. Nós estamos preparando sua volta a Les Combes", disse Augusto Rollandin, chefe do governo regional de Val D'Aosta.

(Reportagem adicional de Philip Pullella e Silvia Aloisi)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG