Papa expressa preocupação por imigrantes e desempregados

Roma, 8 dez (EFE).- O papa Bento XVI expressou hoje sua preocupação pelos imigrantes, pelas famílias que tem problemas para chegar ao fim de mês e pelos desempregados e pediu solidariedade para diminuir as cada vez maiores diferenças sociais e construir uma sociedade mais justa e solidária.

EFE |

O Pontífice, de 81 anos, fez o discurso em frente ao monumento à Imaculada Conceição, na praça da Espanha de Roma, prestando homenagem a Nossa Senhora Virgem por seu dia, 8 de dezembro.

Bento XVI colocou um grande cesto de rosas brancas perante a estátua coroada pela imagem de Nossa Senhora e afirmou que as rosas indicam o amor e a devoção pela.

"Não há rosas sem espinhos", afirmou, precisando que os espinhos são as dificuldades, os sofrimentos, os males que marcaram ou marcam as pessoas.

O Pontífice expressou ainda à imagem de Maria sua preocupação "pelos idosos que vivem sós, os doentes, os imigrantes aos quais custa se adaptar, as famílias que têm problemas e as pessoas que não encontram ou perderam um trabalho indispensável para seguir adiante".

"Ensinamos, Maria, a ser solidários com que têm problemas, a diminuir as cada vez maiores diferenças sociais; ajuda-nos a cultivar o sentido do bem comum, do respeito pelo que é público, ajuda-nos a sentir a cidade como patrimônio de todos e que cada um ponhamos nossa parte para construir uma sociedade mais justa e solidária", implorou o papa à imagem.

Este ano, a festividade da Imaculada coincidiu com o 150º aniversário das aparições de Nossa Senhora em Lourdes, na França, segundo a crença católica, à menina Bernadette Sobirous, a quem teria dito "sou a Imaculada Conceição".

As aparições, de acordo com a Igreja, ocorreram quatro anos depois da proclamação do dogma da Imaculada pelo beato papa Pio IX, em 8 de dezembro de 1854.

Bento XVI lembrou hoje essas palavras e sua viagem em setembro ao santuário de Lourdes.

"Em Maria, se vê a esperança no meio dos problemas e os dramas do mundo", disse o papa. EFE jl/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG