Papa expressa preocupação com expansão dos trabalhos precários

Cidade do Vaticano, 28 dez (EFE).- O papa Bento XVI expressou hoje, durante a tradicional oração de Ângelus, sua preocupação com a expansão dos trabalhos precários.

EFE |

"Aproveito a ocasião para expressar minha preocupação com o aumento das formas de trabalho precárias", por isso "faço um apelo para que as condições trabalhistas sejam sempre dignas para todos", disse Bento XVI aos fiéis que se aproximaram da praça de São Pedro do Vaticano em um domingo chuvoso.

O pontífice pediu hoje à comunidade internacional que ajude a resolver o conflito entre israelenses e palestinos, privilegiando sempre a via do diálogo e das negociações, e "o reatamento da trégua na Faixa de Gaza", mas o fio condutor de sua oração foi hoje o tema da família.

"Neste domingo, que segue o Natal, celebramos com alegria a Santa Família de Nazaré. O contexto é o mais apropriado, porque o Natal é, por excelência, a festa da família. Muitas tradições e costumes sociais demonstram isso", disse Bento XVI.

"Como não destacar que nestas circunstâncias o mal-estar e a dor causados por algumas feridas familiares se amplificam?", perguntou.

"Queridas famílias, não deixem que o amor, a abertura à vida e os laços incomparáveis que unem a família se desvirtuem. Peçam constantemente ao Senhor, orem juntos, para que os seus propósitos sejam iluminados pela fé e abençoados pela graça divina no caminho em direção à santidade", acrescentou.

O pontífice lembrou ainda o 6º Encontro Mundial das Famílias que será realizado na Cidade do México de 14 a 18 de janeiro de 2009 e pediu que comecem a rezar desde agora por este "grande evento eclesiástico".

Ele também não esqueceu as vítimas do trágico terremoto de Messina, no sul da Itália, cujo centenário é lembrado hoje. EFE mcs/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG