Papa envia condolências a Mianmá por ciclone

O papa Bento 16 está profundamente triste com as trágicas conseqüências do ciclone que devastou Mianmá e deixou mais de 22 mil mortos, e pediu que a comunidade internacional ofereça uma ajuda generosa aos afetados, informou nesta terça-feira o Vaticano.

AFP |

"Profundamente triste com as informações a respeito das conseqüências trágicas do recente ciclone, o Sumo Pontífice (...) reza pelas vítimas e por suas famílias", indicou um telegrama enviado pelo cardeal-secretário de Estado Tarcisio Bertone ao presidente da Conferência Episcopal de Mianmá, monsenhor Paul Zinghtung Grawng.

O papa mencionou "a força e o apoio divinos para aqueles que ficaram sem casa e para todos os que sofrem" e se mostrou "confiante de que a comunidade internacional oferecerá uma ajuda generosa e eficaz de acordo com as necessidades" da população afetada, concluiu o telegrama.

    Leia tudo sobre: papa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG