Papa entrega Pálio para 40 arcebispos

O papa Bento XVI, acompanhado do patriarca ortodoxo ecumênico Bartolomeu I, celebrou neste domingo uma missa pela festa solene de São Pedro e São Paulo e entregou o Pálio, uma insígnia pontificial, para 40 arcebispos de todo o mundo designados em 2008.

AFP |

O Pálio, uma faixa branca com cruzes negras que fica sobre os ombros, é usado em celebrações litúrgicas.

Na homilia, Bento XVI expressou seu desejo de que a Igreja não se identifique "com só uma nação, uma cultura ou Estado", e sim que seja "a igreja de todos".

Bartolomeu I, líder espiritual dos cristãos ortodoxos, foi recebido no pelo papa, que expressou seu desejo de que "o diálogo teológico" entre a Igreja Católica e Ortodoxa "avance", apesar das "dificuldades que persistem".

Durante o tradicional Ângelus de domingo, Bento XVI prestou homenagem aos Apóstolos Pedro e Paulo e pediu mais uma vez a unidade de todos os cristãos no mundo.

"O carisma desses dois grandes apóstolos complementa a construção de um povo único de Deus", disse o Papa.

kd/fb

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG