BRNO, República Tcheca (Reuters) - Cerca de 120 mil fiéis se reuniram neste domingo para assistir a uma missa do Papa Bento XVI, como parte de sua visita à República tcheca para atrair europeus à Igreja Católica. Bento XVI instou os seguidores a manter Deus em suas vidas.

A visita de três dias é sua primeira viagem ao país centro-europeu em 12 anos. Ela precede o 20o aniversário, em novembro, da "Revolução de Terciopelo", que acabou com décadas de totalitarismo comunista.

A Igreja tem lutado para atrair fiéis em uma nação onde cerca de um terço dos 10,5 milhões de residentes se identifica como católicos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.