Papa diz que cuidado com seleção de sacerdotes não deve diminuir

Cidade do Vaticano, 20 fev (EFE).- O papa disse hoje que a escassez de sacerdotes não deve induzir a uma diminuição do cuidado na seleção dos candidatos à vida clerical e afirmou hoje que, mais que nunca, é necessário que se cuide atentamente da formação humana e intelectual dos seminaristas.

EFE |

Bento XVI afirmou isto para os membros da assembleia plenária da Comissão Pontifícia para a América Latina (CAL) reunidos no Vaticano para analisar a situação atual da formação sacerdotal nos seminários deste continente.

O pontífice expressou seu desejo de que Deus "envie numerosas e santas vocações ao sacerdócio" e acrescentou que as medidas pastorais adotadas por esta assembleia da CAL têm que ser um ponto de referência para os bispos da América Latina e do Caribe no campo da formação sacerdotal.

O papa acrescentou que "hoje, mais que nunca", é necessário que os seminaristas, "com reta intenção e à margem de qualquer outro interesse", aspirem ao sacerdócio movidos "apenas" pela vontade de serem autênticos discípulos e missionários de Jesus Cristo.

Bento XVI destacou o trabalho realizado por esta comissão desde sua criação em 1958 pelo desejo do papa Pio XII. EFE jl/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG