mensageiro de paz e fraternidade - Mundo - iG" /

Papa afirma que viajará à França como mensageiro de paz e fraternidade

Cidade do Vaticano, 11 set (EFE).- O papa Bento XVI afirmou hoje que fará sua primeira visita apostólica à França, que começará amanhã, como mensageiro de paz e fraternidade.

EFE |

Em mensagem "ao povo francês e a todos os habitantes desta nação tão querida", o pontífice convidou os franceses a se unir a suas preces para que "esta viagem traga frutos abundantes".

Bento XVI percorrerá o caminho do jubileu de Lourdes, se reunirá com o presidente francês, Nicolas Sarkozy, terá um encontro com o mundo da cultura e realizará três missas durante a viagem, que começa amanhã e termina na segunda-feira.

Esses são os compromissos mais importantes da 12ª viagem internacional de Bento XVI, a primeira à França, por ocasião dos 150 anos das aparições de Nossa Senhora de Lourdes.

Bento XVI partirá de Roma com destino a Paris, primeira etapa da viagem, às 9h local de sexta-feira e deve chegar ao Aeroporto de Orly às 11h15 local (6h15 de Brasília).

O papa seguirá do aeroporto para o Palácio do Eliseu, onde será recebido oficialmente por Sarkozy.

Durante sua estadia na capital francesa, o pontífice ficará hospedado na Nunciatura Apostólica de Paris, onde às 17h (12h de Brasília) receberá representantes da comunidade judaica.

Às 17h30 (12h30 de Brasília), seguirá para o Colégio dos Bernardinos, onde terá um encontro com o mundo da cultura.

Às 19h15 (14h15 de Brasília), realizará na Catedral de Notre-Dame a Celebração das Vésperas com sacerdotes, religiosos, religiosas, seminaristas e diáconos, e às 20h30 (15h30 de Brasília), saudará os jovens no átrio do templo.

No sábado, às 9h (4h de Brasília), Bento XVI fará uma visita ao Institut de France.

Às 10h (5h de Brasília), presidirá uma missa na Esplanada dos Inválidos, que tem capacidade para 200 mil pessoas.

Após um almoço com bispos, o pontífice seguirá de avião para o Aeroporto Tarbes-Lourdes-Pyrénées e dali de helicóptero para o Estádio Antoine Béguère, aonde chegará às 18h20 (13h20 de Brasília).

Bento XVI fará o Caminho do Jubileu, visitando às 18h30 (13h30 de Brasília) a Igreja do Sagrado Coração e o Cachot.

Às 19h15 (14h15 de Brasília), o papa chegará à Gruta das Aparições, terceira etapa do Caminho do Jubileu, onde rezará em frente à imagem de Nossa Senhora.

O dia termina com a participação do papa na tradicional procissão das tochas.

No domingo, às 10h (5h de Brasília), Bento XVI presidirá uma missa solene por ocasião dos 150 anos das aparições na Prairie de Lourdes, onde recitará o Ângelus às 12h (7h de Brasília).

Às 17h15 (12h15 de Brasília), o pontífice se reunirá com bispos franceses, e às 18h30 (13h30 de Brasília) irá à procissão das tochas.

Na segunda-feira, último dia da viagem apostólica, Bento XVI concluirá às 8h45 (3h45 de Brasília) as celebrações do jubileu, visitando o Oratório do Hospital de Lourdes, e às 9h30 (4h30 de Brasília), presidirá uma missa com os doentes na Basílica Notre-Dame do Rosário de Lourdes.

O papa chegará às 12h30 (7h30 de Brasília) ao Aeroporto de Tarbes-Lourdes-Pyrénées, onde se despedirá. Às 13h (8h de Brasília), começará a viagem de volta a Roma, onde deve chegar às 15h15 (10h15 de Brasília). EFE JL/wr/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG