Palco de show de Madonna desaba e mata um na França

Uma pessoa morreu e outras seis ficaram feridas nesta quinta-feira quando um palco montado no estádio Vélodrome de Marselha (sudeste da França) para um show de Madonna desabou, levando a prefeitura a cancelar o evento previsto inicialmente para o dia 19 de julho.

AFP |

O balanço é provisório, já que dois dos feridos estão em estado grave e um deles ainda corre risco de vida, destacou José Allegrini, alto funcionário da prefeitura de Marselha encarregado das questões de segurança.

"O show de Madonna foi cancelado", anunciou Allegrini.

Contactada pela AFP, a Live Nation, organizadora da turnê de Madonna, não confirmou a informação.

De acordo com Richard Miron, outro dirigente da prefeitura, encarregado dos esportes, cerca de 50 pessoas de várias nacionalidades trabalhavam na edificação da estrutura.

Segundo os bombeiros, o teto do palco, que estava sendo levantado por quatro guindastes, foi desequilibrado, provocando a queda de uma das gruas e o desabamento da estrutura.

"Houve muitas fraturas expostas e traumatismos" entre os operários, declarou um bombeiro.

Uma dezena de ambulâncias ainda estavam no local às 18H00 (13H00 de Brasília), constatou uma jornalista da AFP.

A Live Nation é a maior produtora de eventos do mundo, com mais de 22.000 shows produzidos por ano para 1.600 artistas em 33 países.

Com capacidade de 60.000 pessoas, o Vélodrome é o segundo maior estádio da França, depois do Stade de France, na periferia norte de Paris.

Madonna já se apresentou para 15.000 pessoas no dia 9 de julho em Bercy, em Paris, como parte da turnê mundial "Sticky and Sweet".

oc/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG