Países europeus pretendem endurecer sanções contra o Irã

Os países europeus adotarão nesta segunda-feira ou na terça-feira novas sanções contra o Irã, centralizadas em particular no grande banco comercial iraniano Melli, informaram fontes diplomáticas.

AFP |

As novas sanções, que proibirão o funcionamento das agências européias deste banco - em Londres, Hamburgo e Paris - provavelmente serão ratificadas sem discussão pelos ministros europeus de Agricultura e Pesca, reunidos no início desta semana em Luxemburgo.

As novas medidas também prevêem o acréscimo de alguns nomes e entidades à lista de pessoas e organizações afetadas pela proibição de visto para viajar à União Européia (UE) ou o congelamento das contas, segundo uma fonte.

As medidas, assim como todas as que foram adotadas na ONU desde 2006, estão destinadas a obrigar o Irã a suspender as atividades de enriquecimento de urânio, pois a comunidade internacional teme que as mesmas tenham como objetivo um programa de fabricação de armas atômicas.

cat/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG