Países da UE acertam destinar 1,5% do PIB à reativação da economia

Bruxelas, 12 dez (EFE) - Os líderes da União Européia apoiaram hoje o plano contra a crise proposto pela Comissão Européia (CE, braço Executivo da UE), que prevê destinar fundos equivalentes a 1,5% do Produto Interno Bruto (PIB) do bloco a impulsionar a atividade e o emprego, com a esperança de sair em breve da recessão.

EFE |

Após superar a resistência de alguns países, os 27 países-membros do bloco aprovaram o enfoque de Bruxelas, que acredita que uma injeção coordenada de cerca de 200 bilhões de euros servirá para reativar a economia européia.

O Conselho Europeu, que termina hoje em Bruxelas, ressalta que cada Estado poderá escolher as medidas que considerar apropriadas, "levando em conta a situação de cada um". EFE epn/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG