O pai de pequena atriz Rubina Ali, que ficou conhecida mundialmente através do sucesso do premiado Quem quer ser um milionário?, negou nesta segunda-feira que tenha tentado vender sua filha de 9 anos num leilão para poder deixar de morar nas favelas de Mumbai.

"As informações segundo as quais eu queria vender Rubina são infundadas", declarou Rafiq Qureshi, citado por jornais locais.

"Meu pai me ama e nunca me venderia", afirmou, por sua vez, a pequena Rubina Ali, falando ao Times of India.

O tablóide News of the World informou no fim de semana que Rafiq Qureshi queria 20 milhões de rúpias (400 mil dólares) pela menina, que viveu a pequena Latika no filme inglês ambientado na Índia.

O tablóide inglês informa ainda que Qureshi recebeu uma boa proposta pela menina de uma família do Oriente Médio.

"Estamos assegurando o futuro de Rubina", teria declarado o pai, que afirmou ainda que, para isso, também precisava receber uma compensação financeira.

Depois foi revelado que um jornalista do News of the World havia se feito passar por um rico xeque de Dubai interessado em adotar a menina.

"Quem quer ser um milionário?" ("Slumdog Millionaire"), que conta a história de três crianças das favelas de Mumbai, levou oito Oscar, incluindo o de melhor filme.

Qureshi foi visto pelo mundo todo carregando orgulhosamente a pequena Rubina nos braços quando a menina voltou para a casa em meio à glória dos prêmios recebidos em Hollywood.

phz/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.