Padre britânico admite 27 casos de abuso sexual de meninos

Um padre que abusou sexualmente de meninos em um colégio católico em Manchester, no norte da Inglaterra, nas décadas de 70 e 80, admitiu 27 casos de abuso de crianças em um tribunal, nesta terça-feira. William Green, de 67 anos, admitiu abusar de crianças com idades entre oito e 16 anos.

BBC Brasil |

Green participou de aulas de educação física no Colégio St Bede, em Manchester, quando os casos de abuso ocorreram, e também trabalhou em outras escolas.

Ele deve receber uma sentença em um tribunal de Manchester no dia 30 de setembro.

Vítimas
Green foi acusado de 33 casos de atentado ao pudor contra nove meninos com menos de 16 anos.

Ele admitiu culpa por 27 das acusações relacionadas a sete vítimas.

Um porta-voz da Igreja Católica na Grande Manchester disse: "Nós temos cooperado com as autoridades desde o começo da investigação."
"É lamentável quando alguma coisa como esta acontece. Nossa prioridade e preocupação é sempre com as vítimas."

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG