solidariedade aliada na questão nuclear - Mundo - iG" /

Otan insiste na solidariedade aliada na questão nuclear

Tallinn, 23 abr (EFE).- A Otan insistiu hoje em que a política de defesa nuclear da organização deve ser baseada na solidariedade entre os países aliados.

EFE |

Os ministros de Exteriores da Aliança Atlântica acordaram na noite da quinta-feira vincular qualquer redução das armas nucleares táticas da Otan na Europa a um acordo com a Rússia sobre este tipo de armamento.

O secretário-geral aliado, Anders Fogh Rasmussen, ressaltou hoje no final da reunião ministerial de Tallinn em que é "essencial" uma "ampla divisão das responsabilidades" entre os membros, o que representa que continuem aceitando receber armas nucleares em benefício coletivo.

Rasmussen disse que os ministros concordaram que nenhum país tomará medidas unilaterais, em referência aos cinco membros da Otan que têm armas atômicas táticas dos EUA (Bélgica, Holanda, Alemanha, Itália e Turquia) não pedirão individualmente a Washington a retirada das mesmas de seu território.

A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, ressaltou que as armas nucleares táticas que seu país mantém na Europa (240) garantem "a segurança de todos os aliados". EFE rcf/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG