Otan inicia manobras na Geórgia sob críticas da Rússia

Tbilisi, 6 mai (EFE).- A Otan iniciou hoje na Geórgia a fase preparatória dos exercícios militares Cooperative Longbow 09/Cooperative Lancer 09, apesar da oposição da Rússia, que tachou essas manobras de aberta provocação, informou o Ministério da Defesa georgiano.

EFE |

"A inauguração oficial acontecerá na próxima segunda-feira, mas os hóspedes estrangeiros já chegaram e a fase preparatória das manobras começou", disse à Agência Efe um porta-voz dessa pasta.

A primeira etapa dos exercícios, que acontecem dentro do programa da Otan "Associação para a Paz", será realizada em nível de Estados-Maiores e se prolongará até 19 de maio.

Dois dias depois começará a etapa em terreno, da qual participarão 1.100 soldados de nove países da Otan e de quatro países integrantes do programa "Associação para a Paz", e que terminará no dia 1º junho.

Os exercícios de Estado-Maior, que acontecerão na base militar de Viazani, nos arredores de Tbilisi, têm como objetivo aumentar o grau de complementação dos países-membros em nível de brigadas multinacionais em situações de crise.

Essas manobras foram tachadas de "aberta provocação" pela Rússia, que considera que, desta forma, a Otan privilegia a Geórgia, apesar de o país ter iniciado, em agosto de 2008, o conflito pelo controle da Ossétia do Sul.

Tanto a Otan como as autoridades georgianas insistiram em que os exercícios, um simulacro de missão humanitária sob mandato das Nações Unidas e outro de defesa contra um ataque terrorista, acontecerão de acordo com o planejado. EFE mv/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG