retórica separatista - Mundo - iG" /

Otan e UE pedem para líderes bósnios abandonarem retórica separatista

Bruxelas, 27 out (EFE) - A Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e a União Européia (UE) pediram hoje aos líderes políticos da Bósnia-Herzegovina para abandonarem a retórica separatista que em nada contribui para a aproximação do país da Europa e da Aliança Atlântica.

EFE |

Em um comparecimento conjunto perante a imprensa, o secretário-geral da Otan, Jaap de Hoop Scheffer, e o alto representante para Política Externa e Segurança Comum da UE, Javier Solana, expressaram a "preocupação" das duas organizações com as declarações de líderes bósnios que põem em risco a unidade do país.

A situação na Bósnia foi abordada durante a reunião conjunta regular que os embaixadores membros permanentes do Conselho da Otan e os do Comitê Político e de Segurança da UE mantiveram hoje em Bruxelas.

"Estamos certamente preocupados com a retórica política que escutamos de alguns responsáveis", afirmou Scheffer.

Na semana passada, os dirigentes da república sérvia da Bósnia afirmaram seu direito de se separar, depois que o líder dos muçulmanos bósnios, Haris Silajdzic, pediu a abolição da entidade sérvia.

"Certamente, a situação na Bósnia-Herzegovina é segura e estável, mas a retórica política é um motivo de preocupação ao qual temos e vamos fazer frente", acrescentou o principal responsável da Aliança Atlântica.

O vice-secretário-geral da Otan, Claudio Bisogniero, irá em breve a Sarajevo para transferir pessoalmente esta mensagem, anunciou Scheffer. EFE jms/ab/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG