Otan afirma que negociação deve respeitar integridade territorial da Geórgia

A Otan voltou a pedir neste sábado negociações diretas entre russos e georgianos para pôr um ponto final ao conflito armado na Ossétia do Sul, insistindo no respeito à integridade territorial da Geórgia, informou uma porta-voz da Aliança Atlântica ouvida pela AFP em Bruxelas.

AFP |

"A Otan está muito preocupada, não há dúvidas, e seu secretário-geral (Jaap de Hoop Scheffer) continua a acreditar que todas as partes envolvidas devem pôr fim imediatamente às operações militares e começar a negociar", declarou.

O secretário-geral da Otan já se encontrou duas vezes com o presidente georgiano Mikhail Saakashvili e altos dirigentes russos. No entanto, ainda não falou com o premier Vladimir Putin nem com o presidente russo Dmitri Medvedev.

pvh-cm/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG