Ossétia do Sul cederá terras a militares russos por 99 anos

Moscou, 11 mar (EFE).- O Governo da região separatista georgiana da Ossétia do Sul, reconhecida como Estado independente pela Rússia, anunciou hoje que cederá terrenos para militares russos por um prazo de 99 anos.

EFE |

"A chefia de Governo da Ossétia do Sul decidiu hoje que cederá terrenos para o estabelecimento de guardas fronteiriças da Rússia na república por 99 anos", disse o presidente Eduard Kokoiti à agência de notícias russa "Interfax".

O líder separatista disse ainda que, por esse mesmo prazo, serão cedidos terrenos para as bases militares russas que serão estabelecidas na Ossétia do Sul.

"A última palavra, é claro, é do Parlamento da Ossétia do Sul", ressaltou Kokoiti.

Segundo ele, a Ossétia do Sul espera que em breve sejam assinados acordos com a Rússia para a vigilância conjunta das fronteiras com a Geórgia, assim como para o estabelecimento de bases militares russas na república. EFE bsi/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG