Os médicos tiram a tala do pulso do Papa

O médico pessoal de Bento XVI anunciou ter tirado a tala do pulso que o Papa Bento XVI fraturou depois de ter sofrido uma que em meados de julho.

AFP |

O dr. Patrizio Polisca também informou, em um comunicado, que o Papa foi submetido a uma radiografia que comprovou a boa recuperação do pulso do Papa.

O papa Bento XVI, 82 anos, fraturou o pulso ao tropeçar no pé da cama enquanto buscava o interruptor de luz no meio da noite, em sua casa de veraneio em Castel Gandolfo, e foi operado em seguida.

O Papa permanecerá em Castelgandolfo até o final de setembro e aproveitará para preparar o Sínodo dos Bispos da África, que se realizará de 4 a 25 de outubro.

bur-kv/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG