Os norte-americanos estão descontentes com seu sistema de saúde e 82% acham que o mesmo deveria ser reorganizado por completo, segundo uma pequisa divulgada nesta quinta-feira.

Nove em cada 10 americanos acham que os candidatos à eleição presidencial de novembro deveriam propor uma reforma para melhorar a qualidade dos cuidados médicos no país, facilitar o acesso à saúde para todos os americanos e reduzir a quantidade de pessoas sem seguro saúde, segundo a pequisa realizada com cerca de mil adultos em maio pelo Commonwealth Fund, uma associação americana de promoção da saúde pública.

Independente de seu nível de renda, os americanos dizem ter experimentado problemas de cuidados médicos. Um em cada três entrevistados indicou que os médicos pediram exames já realizados ou desnecessários.

Quase um em cada dois doentes (47%) enfrentou uma falta de coordenação e eficácia nos cuidados nos últimos anos.

"Está claro que nosso sistema de saúde não dá aos americanos os cuidados de que necessitam e que merecem", declarou a presidente do Commonwealth Fund, Karen Davis, em um comunicado. "A desorganização e a ineficácia afetam os americanos em sua vida cotidiana e é evidente que as pessoas esperam uma reforma", acrescentou.

vmt/eg/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.