Manágua, 2 ago (EFE).- O presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, demandou hoje castigo para os que ordenaram os crimes contra os seguidores do deposto presidente Manuel Zelaya ocorridos nos últimos dias em Honduras.

"Da Nicarágua pedimos castigo para os que ordenaram esses crimes contra o povo hondurenho, que são os que estão à frente do Governo golpista", disse hoje Ortega em uma assembleia com seus seguidores.

Ortega assinalou que na sexta-feira foi morto um professor hondurenho, que já são quatro os assassinatos ocorridos em Honduras, e que os responsáveis por estes crimes "são os golpistas que mandam os soldados atirar contra seus próprios irmãos".

O presidente da Nicarágua lembrou que ontem fez um apelo ao Exército de Honduras para que não se preste a ser instrumento dos oligarcas e setores conservadores.

Ele disse esperar que a crise em Honduras se resolva em breve, e que o presidente deposto Manuel Zelaya seja restituído na Presidência do país. EFE fm/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.