Opositores e simpatizantes do Governo se enfrentam nos arredores de Bangcoc

Bangcoc, 25 nov (EFE).- Opositores e partidários do Governo da Tailândia se enfrentaram hoje nos arredores da capital do país, Bangcoc, em um confronto no qual houve disparos, segundo a televisão tailandesa.

EFE |

O canal estatal "PBS" não informou sobre vítimas fatais ou feridos durante o conflito, mais um dos registrados entre os dois lados nas últimas semanas.

O incidente entre simpatizantes governamentais, que se distinguiam pelas camisetas vermelhas, e os membros da Aliança do Povo para a Democracia, com roupas amarelas, ocorreu na estrada que leva ao antigo aeroporto Don Muang, cerca de 30 quilômetros ao norte de Bangcoc.

O terminal deste aeroporto é onde o primeiro-ministro tailandês, Somchai Wongsawat, instalou seus escritórios, porque as instalações oficiais estão ocupadas por partidários da Aliança do Povo para a Democracia desde 26 de agosto.

A Aliança cercou na segunda-feira o Parlamento e impediu que os parlamentares se reunissem, e hoje sitiou o antigo aeroporto e conseguiu que uma reunião de urgência do Gabinete não ocorresse.

Depois, foram ao quartel-general das Forças Armadas para impedir que o Governo fizesse a reunião no local.

Wongsawat deve retornar amanhã ao país, após ter participado da cúpula do Fórum de Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec) realizada no fim de semana passado, em Lima, de onde reiterou que não renunciaria.

Os dirigentes da Aliança prometeram continuar o protesto até que o Governo renuncie.

A crise política atual começou nas eleições parlamentares de dezembro de 2007, vencidas pelos mesmos políticos que tinham sido afastados do poder um ano antes por um golpe militar. EFE grc/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG