Opositores a Morales bloqueiam estrada para o Brasil

La Paz, 6 set (EFE).-Os opositores ao presidente Evo Morales intensificaram seus protestos contra o Governo e bloquearam estradas, entre elas uma que une Bolívia e Brasil no leste do país.

EFE |

Fontes da Administradora Boliviana de Estradas (ABC) confirmaram hoje à Agência Efe que se mantém pelo menos 20 bloqueios iniciados há 12 dias em estradas e caminhos dos departamentos (estados) de Tarija, Pando, Beni e Santa Cruz, regiões do leste boliviano, todas governadas por opositores.

Na província de Germán Busch, em Santa Cruz, os comitês cívicos das localidades de Puerto Quijarro e Arroyo Concepción fecharam a fronteira com o Brasil ontem à noite, disse à Efe o subprefeito provincial, Manuel Pérez.

Os bloqueios de estradas se concentram principalmente na zona conhecida como o Chaco boliviano (sudeste) onde estão os principais campos de hidrocarbonetos e estradas que unem o país com o Paraguai e Argentina.

No meio desta onda de protestos, segue mantida a ameaça dos opositores sobre bloqueios nas zonas produtoras de gás, o que poderia prejudicar as vendas para Argentina e Brasil. EFE lav/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG