Oposição italiana apresentará moção de censura contra Berlusconi

Roma, 23 mai (EFE).- O partido opositor Itália de Valores (IDV), liderado por Antonio di Pietro, anunciou hoje que apresentará na próxima terça-feira no Parlamento italiano uma moção de censura contra o primeiro-ministro do país, Silvio Berlusconi, por seu suposto envolvimento no caso do advogado inglês David Mills.

EFE |

Em comunicado de imprensa divulgado hoje pelo IDV, Di Pietro - que nos anos 90 foi juiz do chamado processo "Mãos Limpas" contra a corrupção política na Itália - justifica esta decisão ao alegar que Berlusconi, segundo ele, não é digno de representar o país.

O caso Mills voltou a ganhar repercussão depois de a Justiça italiana ter publicado as motivações que levaram, em fevereiro deste ano, a condenar o advogado inglês a 4 anos e 6 meses de prisão por receber dinheiro para mentir em seu testemunho em um julgamento para não punir Berlusconi e sua empresa Fininvest.

O próprio Berlusconi sofre acusações pelo mesmo caso, embora o processo tenha sido adiado à espera do pronunciamento do Tribunal Constitucional, após a aprovação em 2008 de uma lei que dá imunidade aos ocupantes dos quatro cargos mais altos do Estado italiano, entre eles o de chefe do Executivo. EFE mcs/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG