Oposição iraniana reúne dezenas de milhares de pessoas no norte de Paris

Paris, 28 jun (EFE).- Dezenas de milhares de pessoas - mais de 60 mil, segundo os organizadores - se reuniram hoje em Le Bourget, no norte de Paris, convocados pelo Conselho Nacional da Resistência Iraniana (CNRI, opositor ao regime de Teerã), para falar da situação no país persa e pedir o reconhecimento da União Européia (UE) às suas atividaees.

EFE |

Um dos principais objetivos da manifestação, maior que a anterior, organizada em fevereiro e que reuniu 600 membros do Parlamento Europeu e de Parlamentos de 15 países, é a retirada do movimento dos Mujahedins do Povo, vinculado ao CNRI, da lista de organizações terroristas do bloco.

"Depois que o Parlamento britânico o eliminou de sua lista na terça-feira passada, não há razão para que os mujahedines continuem na lista da UE", ressaltou à Agência Efe um porta-voz do CNRI.

O porta-voz explicou, além disso, qual o tipo de apoio esperado das instituições européias: "Não queremos dinheiro, queremos ser reconhecidos".

O iraniano também pediu que a UE e seus países-membros deixem de dar cobertura ao regime dos aiatolás e favoreçam a transição para um regime democrático, o que, segundo disse, passa pela oferta de apoio ao CNRI. EFE ac/bm/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG