Oposição irá ao segundo turno no Zimbábue com observadores internacionais

O líder da oposição zimbabuana, Morgan Tsvangirai, afirmou nesta terça-feira que participará em um segundo turno da eleição presidencial, caso a votação tenha a presença de observadores internacionais para acompanhar seu desenvolvimento.

AFP |

"Se for necessário um segundo turno só participaremos se for garantido um novo contexto eleitoral, com a participação da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) e a comunidade internacional", declarou Tsvangirai em entrevista ao canal de televisão sul-africano e.tv.

O líder do Movimento para a Mudança Democrática (MDC), que reivindicou a vitória depois do primeiro turno da eleição presidencial celebradas em 29 de março, havia descartado até o momento participar no segundo turno.

O presidente Robert Mugabe, há 28 anos no poder e que aspira a reeleição, deseja a realização do segundo turno.

str-chp/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG