Oposição diz que votar a favor de Morales é apoiar Chávez e Irã

La Paz, 9 ago (EFE).- O líder da aliança opositora Poder Democrático e Social (Podemos), Jorge Quiroga, advertiu hoje que votar a favor do presidente Evo Morales no referendo revogatório da Bolívia significa apoiar o chefe de Esatdo venezuelano, Hugo Chávez, e o regime iraniano.

EFE |

O também ex-presidente boliviano (2001-2002) se referiu assim, em declarações à imprensa, à aliança que une Bolívia, Venezuela e Irã, países que hoje assinaram um acordo de cooperação para potenciar a indústria de cimento boliviana.

O líder da coalizão opositora assegurou que "um Governo submetido a Chávez e ao Irã não tem nada de bom a conseguir" e pediu "paz e tranqüilidade" a todos os bolivianos que vão às urnas.

Quiroga qualificou de "peculiar" e como um "erro" o fato de, no dia anterior ao referendo, "o Governo (de Morales) se abraçar outra vez com Chávez e com o Irã, que é um país pária que está com um programa de armamento nuclear, que financia o terrorismo de estado".

EFE lav/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG