Operações no aeroporto de Madri voltam ao normal após nevasca

MADRI (Reuters) - O aeroporto Barajas de Madri retomou as operações em suas quatro pistas neste domingo, depois que uma forte nevasca travou os vôos no fim de semana, informou o operador de aeroportos espanhol AENA em comunicado em seu site na Internet. A mídia espanhola informou que alguns vôos sofreram atrasos neste domingo depois que milhares de passageiros ficaram presos no aeroporto por conta de diversos cancelamentos.

Reuters |

o aeroporto internacional ficou fechado por cinco horas na sexta-feira depois de uma das maiores nevascas em décadas. No sábado, o aeroporto conseguiu operar apenas com 50 por cento de sua capacidade.

Cerca de 55 mil passageiros sofreram com atrasos e cancelamentos de vôos entre sexta e sábado, informou o jornal El Pais.

O mau tempo na Espanha, que tem registrado temperaturas bem mais baixas do que o normal como em diversas outras partes da Europa, foi mais um elemento de transtorno para as operações em aeroportos, depois de semanas de interrupções da companhia Iberia, causadas por ações dos pilotos.

A companhia informou na noite de sábado que cancelou 544 vôos desde sexta-feira e teve que arrumar acomodação em hotéis para cerca de 2 mil passageiros por conta do conflito com os pilotos e o mau tempo.

(Reportagem de Inmaculada Sanz e Tracy Rucinski)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG