VIENA (Reuters) - O ministro de Minas e Energia da Argélia, Chakib Khelil, confirmou que a Opep concordou em manter sua produção de petróleo inalterada, em encontro que terminou nas primeiras horas de quinta-feira (na Áustria) e que durou quase três horas. A Organização dos Países Exportadores de Petróleo se reunirá novamente em 22 de dezembro na capital angolana, Luanda, disse um delegado da Opep.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.