ONU pune três empresas por lançar foguete norte-coreano

A ONU puniu nesta sexta-feira três companhias norte-coreanas, por seu papel nas atividades balísticas de Pyongyang, anunciou o embaixador da Turquia, Baki Ilkin, presidente do comitê de sanções do Conselho de Segurança.

AFP |

A decisão envolve as empresas Korea Mining Development Trading Corporation, Korea Ryonbong General Corporation e Tanchon Commercial Bank, disse Ilkin à imprensa.

A primeira companhia é considerada "um dos principais comerciantes de armas e exportador de bens e equipamentos relativos a mísseis balísticos e armas convencionais", destaca Ilkin.

A Korea Ryonbong é definida como "um conglomerado na área da defesa especializado em aquisições para as indústrias da defesa da Coreia do Norte".

Finalmente, o banco Tanchon é considerado "a principal entidade financeira da Coreia do Norte para a venda de armas convencionais, mísseis balísticos e bens ligados à montagem e à fabricação destas armas".

As medidas ocorrem após o anúncio de sanções pelo disparo de um míssil norte-coreano de longo alcance, realizado em 5 de abril passado.


Leia mais sobre Coreia do Norte

    Leia tudo sobre: coreia do nortecoréia do norte

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG