ONU preocupada com violações a mulheres nos acampamentos no Haiti

Genebra, 19 fev (EFE).- A ONU está preocupada com as informações de que é crescente o número de violações a mulheres haitianas nos acampamentos onde vivem os desabrigados pelo terremoto de 12 de janeiro.

EFE |

Rupert Colville, porta-voz da Alta comissária da ONU para os Direitos Humanos, Navi Pillay, disse hoje em entrevista coletiva que "tem informação sobre um aumento das violações de mulheres nos acampamentos" e reconheceu que "esse é um dos aspectos mais preocupantes para os direitos humanos".

O porta-voz revelou que não tinha números sobre as agressões sexuais, e se mostrou cauteloso já que "se trata de um assunto delicado, os casos não são fáceis de comprovar e é difícil ter dados exatos", mas confirmou que "há uma tendência de aumento".

Colville atribuiu parte das violações aos presos que escaparam da prisão de Porto Príncipe no dia do terremoto, que se instalaram também nos campos de desabrigados.

Para melhorar a situação das mulheres nos campos, a ONU adotou medidas como a "distribuição de 17 mil lanternas", que aumentam a segurança ao anoitecer.

Várias organizações da ONU e ONGs destacaram a necessidade que se descongestionem os assentamentos improvisados de refugiados no Haiti.

A Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha defendeu hoje que se deve colocar à disposição dos haitianos que perderam suas casas no terremoto mais áreas para que as pessoas que queiram deixar os campos em Porto Príncipe possam fazê-lo.

Existem mais de 300 assentamentos na capital e muitos outros em Leogane - cidade devastada após a catástrofe de 12 de janeiro -, assim como na portuária de Jacmel.

Em Porto Príncipe, a ONU identificou 19 assentamentos que devem ser urgentemente "descongestionados" antes da chegada da temporada de chuva, que começa em abril.

Até o momento, o trabalho para organizar os reassentamentos deve começar por um aeroporto em desuso na capital. EFE vh/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG