ONU homenageia vítimas de terremoto com um minuto de silêncio

Nações Unidas, 19 jan (EFE).- A ONU prestou hoje uma homenagem às vítimas do terremoto no Haiti, entre as quais há quase 60 membros da missão da organização no país caribenho.

EFE |

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, depositou uma coroa de flores no vestíbulo do emblemático edifício que a ONU tem em Nova York. Depois, junto com centenas de funcionários, fez um minuto de silêncio pelos mortos no tremor.

O terremoto que há uma semana devastou a capital haitiana matou 57 integrantes da Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti (Minustah). Outros 300 continuam desaparecidos.

Hoje, o Conselho de Segurança da organização aprovou, por unanimidade, o envio ao Haiti de outros 3.500 militares e policiais.

Inicialmente, o contingente ficará seis meses no país, ajudando na segurança e na distribuição da assistência humanitária.

Também nesta terça-feira, Ban disse que as Nações Unidas já receberam "indicações de alguns países (interessados em contribuir com militares ou policiais), motivo pelo qual o envio das tropas e dos policiais será rápido".

Brasil e a República Dominicana já manifestaram a vontade de enviar mais homens à região do desastre, assim como a União Europeia (UE), que se comprometeu a enviar um contingente de 150 policiais.

EFE jju/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG