GENEBRA (Reuters) - A Organização das Nações Unidas (ONU) ganhou um prêmio ambiental por usar ovelhas para cortar gramados e empregar outros serviços de manutenção orgânicos em seus escritórios de Genebra. A área de 46 hectares do Palais des Nations, construída para abrigar a Liga das Nações e que agora é sede das agências humanitária, econômica e do comércio da ONU, é cuidada com composto orgânico, e evita-se o uso de pesticidas.

A porta-voz da ONU, Elena Ponomareva, disse que a fundação não-governamental suíça Nature & Economie premiou o Ariana Park com um "certificado de preservação da natureza" pelas iniciativas para estimular a diversidade biológica e evitar o dano ecológico.

Isso inclui "evitar pesticidas, usar composto e utilizar carneiros em vez de máquina de cortar grama", disse ela em uma entrevista coletiva na sede europeia da ONU na sexta-feira.

Entre 300 e 400 ovelhas pastam nos 68 mil metros quadrados de grama que cercam o Palais des Nations anualmente, entre outubro e novembro, embora a grama seja cortada com máquinas uma vez na primavera e outra vez no meio do verão.

A área preserva ainda cedros e outras árvores centenárias, além de uma grande variedade de flores, disse um comunicado da ONU.

Também é possível ver pavões caminhando soltos pela área do Palais des Nations, que atrai 100 mil turistas por ano. A parte mais antiga do edifício foi construída em 1929.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.