ONU e OEA buscam reduzir riscos e efeitos dos desastres naturais na América

Especialistas em prevenção e condução de situações de emergência se reunião de 17 a 19 de março no Panamá para estudar a redução dos riscos e efeitos causados pelos desastres naturais no continente americano, num encontro patrocinado pelas Nações Unidas e a Organização de Estados Americanos.

AFP |

Mais de 200 milhões de pessoas são afetadas por desastres naturais todos os anos, segundo a ONU, e, além das vítimas, estas emergências causam perdas multimilionárias.

"A pobreza, a crescente densidade da população, a degradação ambiental e o aquecimento global estão fazendo com que o impacto das ameaças naturais piore ainda mais", adverte um relatório da Estratégia Internacional para a Redução de Desastres da ONU (Onueird).

A idéia dos especialistas da Onueird é criar uma plataforma regional destinada a reduzir de maneira significativa as perdas humanas e materiais ocasionadas por esses desastres.

jjr/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG