ONU divulgará relatório sobre massacre na Bolívia

La Paz, 7 dez (EFE).- O escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas na Bolívia apresentará na próxima semana seu próprio relatório sobre o massacre ocorrido em setembro passado no departamento (estado) de Pando, informou hoje o jornal La Prensa.

EFE |

A representante da ONU na Bolívia, a japonesa Yoriko Yasukawa, assegurou, sem precisar o dia, que na próxima semana apresentará o relatório sobre o episódio de violência em que morreram 22 pessoas em Pando.

O relatório da ONU será tornado público uma semana após ter feito o mesmo a comissão enviada pela União de Nações Sul-americanas (Unasul), que qualificou os fatos de "massacre planificado" de camponeses partidários do presidente Evo Morales.

Yasukawa apontou que o relatório da ONU, da mesma forma que o da Unasul, servirá para contribuir com as investigações da Justiça boliviana.

A japonesa antecipou que o documento da ONU se baseia em entrevistas feitas no local dos acontecimentos.

Os choques de Pando foram os mais graves dentro da onda de violência nas regiões de maioria opositora, em confrontos que envolveram autonomistas contrários ao presidente Morales e partidários do líder.

Além disso, o Executivo responsabilizou pelo massacre o ex-governador Leopoldo Fernández, opositor que continua detido em uma prisão de La Paz. EFE az/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG