ONU designa Richard Goldstone para investigar crimes de guerra em Gaza

O ex-promotor do Tribunal Penal Internacional para a antiga Iugoslávia e para Ruanda, Richard Goldstone, foi designado para investigar as supostas violações aos direitos humanos cometidas em Gaza durante a recente ofensiva israelense, anunciou a ONU.

AFP |

O sul-africano Goldstone será acompanhado pela britânica Christine Chinkin, especialista em direito internacional, pela paquistanesa Hina Jilani, juiz da Suprema Corte do Paquistão e antiga especialista da ONU para os direitos humanos, e pelo coronel irlandês da reserva Desmond Travers, informou o Conselho de Direitos Humanos da ONU.

"Confio que a missão estará capacitada para avaliar de forma independente e imparcial todas as violações dos direitos humanos e do direito humanitário cometidas no conflito de 27 de dezembro de 2008 a 18 de janeiro de 2009", declarou o presidente do Conselho de Direitos Humanos, Martin Ihoeghian Uhomoibni.

sga/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG