ONU condena atentado cometido pelas Farc na quinta-feira na Colômbia

Bogotá, 15 ago (EFE) - O Escritório na Colômbia do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos condenou hoje o ataque indiscriminado com explosivos contra a população civil cometido na quinta-feira à noite em Ituango, município do departamento de Antioquia, noroeste, no qual morreram 7 pessoas.

EFE |

A agência da ONU em Bogotá considerou que se os responsáveis foram membros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), como dito por altos funcionários e autoridades militares e policiais, seria uma "grave infração ao Direito Internacional Humanitário".

Uma bomba que foi colocada em uma lata de lixo em uma rua na qual centenas de pessoas dançavam em uma celebração camponesa foi detonada, aparentemente, por meio de um telefone celular, em uma hora em que, nessa localidade, 600 quilômetros ao noroeste de Bogotá, ocorria uma festa camponesa.

A ONU lembrou que essa infração do Direito Internacional Humanitário "está tipificada como crime de guerra".

O Escritório em Bogotá reiterou ainda que "todos os atores armados têm a obrigação de observar, em todo tempo e lugar, as regras do direito internacional humanitário". EFE rrm/db

    Leia tudo sobre: bogotá

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG