ONU cogita realizar cúpula sobre mudança climática em até 2 meses

Nações Unidas, 10 fev (EFE).- O sul-coreano Ban Ki-Moon, secretário-geral da ONU, revelou hoje que estuda a possibilidade de convocar nos dois próximos meses uma cúpula sobre a mudança climática na sede do organismo, em Nova York.

EFE |

Ban disse que o encontro poderia estimular os países a buscar um novo acordo global para reduzir as emissões de gases poluentes na conferência internacional sobre mudança climática, a ser realizada no mês de dezembro em Copenhague, na Dinamarca.

"Precisamos do envolvimento dos Governos no mais alto nível", disse o secretário-geral em entrevista coletiva.

O sul-coreano lembrou que, desde que assumiu o cargo, há dois anos, vem se dedicando a "pressionar" os líderes mundiais para que mostrem a vontade política necessária para enfrentar um problema complicado, que requer um consenso global.

Caso o evento ocorra, espera-se que um dos palestrantes seja o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Ele faria sua primeira visita à sede das Nações Unidas desde que tomou posse, em janeiro.

"Estamos em meio às consultas com os países participantes e certamente a presença do presidente Obama seria crucial", disse.

Porém, Ban sabe que o governante atualmente está engajado em levar seus pacotes econômicos a serem aprovados no Congresso.

O secretário-geral da ONU pediu aos EUA, China, Índia e à União Europeia (UE), principais emissores de gases poluentes, que mostrem uma postura séria ao tratar do assunto.

"Não há tempo a perder", comentou, lembrando que a conferência de dezembro tem que resultar em um acordo que substitua o Protocolo de Kioto.

O secretário-geral da ONU confirmou que a mudança climática será o principal assunto da tradicional cúpula feita pelo organismo em setembro, coincidindo com a abertura do novo período de sessões da Assembleia Geral. EFE jju/dp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG