ONU anuncia morte de 2 prestadores de serviço em ataque no Iraque

Bagdá, 29 nov (EFE).- Um ataque com morteiros perpetrado contra a Zona Verde, a área mais protegida de Bagdá, matou dois funcionários de uma empresa contratada pela ONU e deixou 15 pessoas feridas, informaram fontes oficiais e das Nações Unidas.

EFE |

As fontes do Ministério do Interior iraquiano não divulgaram a identidade das vítimas, mas a missão da ONU destacou em comunicado que os mortos eram funcionários de uma empresa que fornece alimentos para suas instalações em Bagdá.

O escritório da ONU também confirmou que as granadas de morteiro atingiram uma área próxima a uma de suas instalações por volta das 6h15 (hora local).

O ataque aconteceu na Zona Verde de Bagdá, fortemente protegida e que abriga embaixadas e as sedes dos ministérios iraquianos e do Parlamento.

As fontes do Ministério do Interior iraquiano disseram desconhecer quem lançou as bombas. EFE am/wr/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG